G2Tecnologia | SAP Business One, Consultoria SAP

A importância do plano de contas para a PME: dicas para aprender como fazer um plano de contas

25 fev

A importância do plano de contas para a PME: dicas para aprender como fazer um plano de contas

Um Plano de Contas nada mais é do que um elenco de todas as contas que representarão as movimentações de uma empresa, desde que afetem a estrutura patrimonial dela de alguma forma. Obrigações, bens e direitos, além dos componentes do patrimônio líquido, as despesas e as receitas devem ser detalhadas e apresentadas por este plano. Se você sabe o que é, mas não sabe como fazer um plano de contas, vai aprender neste artigo, pois o objetivo, além de mostrar a importância dele, é ajudá-lo a elaborar um.

Para que serve um Plano de Contas?

Ele serve para que o setor de contabilidade registre toda a movimentação da empresa de forma padronizada e organizada dentro dos sistemas de uma entidade. Ele deve ser exclusivo para cada empresa, dadas as especificidades e objetivos de crescimento de cada negócio, mas todo Plano de Contas deve seguir as Normas Contábeis Brasileiras, além de ser completo e com estrutura satisfatória.

Quando eu devo fazer um Plano de Contas?

Um Plano de Contas deve ser elaborado antes mesmo da abertura de uma empresa, pois ajuda a identificar os objetivos de crescimento de uma empresa e já deixa a “casa arrumada”, não necessitando de ajustes grandes conforme o negócio vai ganhando corpo.

Analogicamente falando, é como se, ao se casar, um chefe de família já comprasse uma van e, mesmo sabendo que ainda não tem filhos, já preparou a estrutura toda para a chegada da criança, comprando até a cadeirinha para levar o filho que está por vir. O Plano de Contas é como esta van, pois já se antecipa ao futuro, não deixando que surpresas atrapalhem o planejamento empresarial.

Como é a estrutura de um plano de contas?

Ele é dividido em níveis hierárquicos, os quais vão de 1 a 5. O quinto nível é o nível que recebe os lançamentos contábeis e os outros quatro apenas vão consolidando os valores. Por exemplo, uma empresa pode ter várias contas correntes nos bancos A, B, C e D. As contas de nível 5, chamadas de analíticas, receberão os lançamentos bancários de entradas e saídas de recursos em conta corrente e as contas de níveis 1 a 4, chamadas de sintéticas, apenas realizarão as somas, de acordo com as movimentações totais nas contas correntes.

Como elaborar um Plano de Contas?

O ideal é que se conheça a estrutura do Balanço Patrimonial (BP) e da Demonstração do Resultado do Exercício (DRE). As contas patrimoniais (do BP) e as de resultado (da DRE) deverão ser separadas em grupos.

Normalmente, o grupo 1 representa as contas do Ativo e o 2 representa as contas do Passivo e do Patrimônio Líquido. As contas de resultado aparecem no grupo 3 com as Receitas e no grupo 4 com as Despesas. Algumas estruturas apenas apresentam as contas de resultado (Receitas e Despesas) no grupo 3, dependendo de como seja elaborado o Plano de Contas.

A codificação segue a ordem em que as contas aparecem no BP e, no caso da DRE, geralmente as receitas aparecem antes das despesas. Não importa a empresa em que você trabalhe nem a área de atuação dela, o Plano de Contas sempre terá a mesma espinha dorsal, que já é definido em seu software contábil escolhido

Para iniciar um negócio, é importante seguir todos os passos importantes e saber como fazer um Plano de Contas definitivamente é um passo importante que irá permitir a sua empresa o crescimento mais tranquilo e continuado.

Quer saber mais sobre Plano de Contas? Entre em contato conosco e deixe um comentário!

3 comments

  1. […] de maneira muito mais simples do que outrora. Você pode, por exemplo, estruturar e atualizar um plano de contas da sua empresa em tempo real, de qualquer lugar que você […]

  2. […] as obrigações acessórias que incidem sobre a sua organização e faça os devidos ajustes nas rotinas de trabalho. Tome todas as ações e precauções necessárias para evitar multas, malha fina da […]

  3. […] parece. São contas a receber e a pagar, o registro de todos os lançamentos, receitas de vendas, plano de contas e tantas outras movimentações financeiras que devem ser devidamente controladas e atualizadas […]

%d blogueiros gostam disto: