SAP Business One e Consultoria SAP

Vende-se (v. 2017)

26 jan

Vende-se (v. 2017)

Praia de Santo André – BA, Janeiro de 2017.

O tão aguardado 2017 chegou e durante minhas férias de 1 semana, encontrei inspiração pra começar mais um ano de trabalho.

Clamamos tanto pelo fim de 2016 – não foi isso que você tanto viu na sua timeline do facebook? – e agora que 2017 chegou vamos ter que fazer acontecer porque o Zé do Picolé já está fazendo.

O registro da prova é meu, eu na areia repensando 2016, Zé no mar performando em 2017.

O de camisa amarela e chapéu na imagem é Zé do Picolé, claro, os demais, minha família, preservei os filhotes que ficaram como “caras pintadas”. Zé oferecia seu produto na areia como todos os outros sorveteiros até que num certo ponto entrava no mar e oferecia seus sorvetes aos banhistas, deve ter lido sobre estratégias do tipo “oceano azul”e incorporou-as literalmente ao seu negócio, não se intimida quando seus clientes estão lá, no tal do oceano azul, entra nele e fatura mais que a concorrência.

Tive lá o meu papel no episódio mesmo estando na areia, após Zé distribuir os picolés no mar à minha família, faltava o que? O pagamento. Logo sou apontada por meu marido e entendo, sou o endereço de cobrança. Zé segue vendendo para praticamente todos os banhistas que estão na água e depois vem ao meu encontro, me chama de “neném”, pede para eu “por favor” segurar o menu de picolés pra ele e assim que eu faço o “favor”, pede para que eu aproveite e já peça um picolé pra mim também. Escolho o sabor Tapioca, Zé então incrementa sua venda, me diz o valor da conta e eu efetuo o pagamento. Fim do ciclo de venda. Oportunidade “Win”.

Inspirado(a) pra faturar? Então vamos aproveitar a vibe para checar algumas das tendências indicadas pela Forbes para este ano:

  1. Um novo personagem: Subject Matter Expert, o SME
    A estratégia de venda do Zé funciona para o Zé, carismático que só, mas dependendo do seu business, o clássico vendedor precisa de um upgrade, os clientes se encantam com os Experts. Anote aí! Você vai mandar ao cliente um Expert no assunto e não um Vendedor, essa é a nova!
  2. Vendas e Conteúdo totalmente integrados
    Ah, isso eu quero fazer melhor em 2017! Acho que é o estado da arte, quando você consegue apoiar seu lead/cliente com informação adequada e a qualquer momento prover de forma fácil o “carrinho de compras” caso ele esteja decidido a comprar.
  3. E-mails? Somente para comunicação externa!
    Também gosto, preciso convencer o pessoal lá da empresa, não faz todo sentido? Nós já usamos muito na G2, por sermos parceiros Google todo mundo fica on line utilizando o Hangouts e comigo sempre funciona melhor se me deixam um recado por lá, respondo muito mais rápido!
  4. Receita recorrente, ai que bom!
    Se você pensa em receber investimentos, receita recorrente é bom, se você quer previsibilidade, recorrência é bom, se você quer se atualizar no mercado, recorrência com prestação de serviço é bom! Nós fazemos isso atualmente, foi difícil a mudança mas hoje oferecemos nosso produto como serviço e já temos nossa preciosa recorrência.

Voltando ao Zé me rendo em concordar que o atrevido está mandando bem no início do seu 2017, mesmo que ele não saiba se o picolé de tapioca tem um bom sabor ou não seja um SME, me conquistou.

Que ele seja uma inspiração pra você também fazer que o seu ano seja muito melhor que o tal finado 2016.

Axé do Zé!

Fonte: Forbes

%d blogueiros gostam disto: